Pular para o conteúdo

2 dicas simples e eficientes para quem tem blog

Quando você monta um blog para sua empresa o que você espera é que as pessoas consigam acessá-lo da forma mais rápida possível, certo? Separamos duas dicas importantíssimas para que seu cliente veja você com bons olhos e consiga te achar quando procurar na internet.

blog

1. Marketing de Conteúdo

O marketing de conteúdo envolve a produção de posts, artigos, vídeos, fotos, infográficos. Enfim, qualquer forma de conteúdo em um blog. Esse conteúdo deve atrair seu público-alvo.

Como funciona

Vamos a um exemplo prático para perceber como o marketing de conteúdo leva a mais vendas.  Imagine que você vende bolsas. O natal está chegando e você decide escrever um post com o título ‘A roupa perfeita para a festa de natal do escritório‘.

Nesse post, você coloca várias roupas legais e adequadas para o evento. E, no meio delas, uma das suas bolsas. Assim, todas as bolsas estão lá com fotos bem bonitas e um link que direciona para a página da sua loja virtual.

Portanto, para entender como isso funciona para atrair o tráfego, basta ver tudo pela perspectiva do cliente. Imagine que uma mulher ligada em moda está procurando inspiração para decidir o que vestir na festa de fim de ano da firma. Assim, ela vai para o Google e procura ‘roupa para festa de natal‘. O que aparece? Aquele post do seu blog! BUM, lá vai ela para o artigo, gosta das combinações de roupas, curte aquela bolsa, clica e… lá está ela na sua loja virtual.

Estratégia de conteúdo

A saber, para utilizar o blog, ter uma estratégia de conteúdo é essencial. É algo que requer tempo. Além disso, você precisa dedicar algumas horas da sua semana regularmente para procurar e produzir conteúdo bacana.

A parte mais importante da sua estratégia de conteúdo é entender e estabelecer qual é seu público-alvo. Quais os interesses das pessoas que compram seus produtos? Que idade eles têm, que conteúdo é mais útil para essas pessoas?

Assim que você estabelece isso – uma coisa que ajuda bastante é fazer uma árvore de conteúdo, com os itens mais importantes e exemplos de títulos de posts sobre cada assunto –, é hora de planejar os posts. E, aí, você vai perceber, principalmente se estabelecer uma frequência alta de posts, que nem todos eles são conteúdo valioso e relevantíssimo. Daí, vale (pôr a mão na consciência) pensar em alternativas para não cansar os leitores do seu blog e trazer coisas novas e interessantes o máximo possível. Para lidar com a falta de inspiração, tenha também uma lista com possíveis títulos de posts para você alimentar sempre que tiver uma ideia e ter um guia quando não souber o que escrever.

Aproveite também as datas comemorativas importantes para o seu público-alvo. No caso das bolsas, por exemplo, você poderia escrever um post especial um mês antes do dia dos namorados com ‘Dez bolsas que são o presente perfeito para aquele alguém especial‘.

estrutura

Quanto à estrutura desse conteúdo, tipos de posts que funcionam bem são:

  • Listas: normalmente de leitura rápida e com chance de colocar vários produtos. ex. ‘10 bolsas perfeitas para combinar com aquele pretinho básico
  • Divertidos: mais difíceis de fazer, mas costumam ser muito compartilhados nas redes sociais (vide os BuzzFeeds da vida). ex. ‘5 coisas bizarras que já apareceram dentro das nossas bolsas‘.
  • Informativos/como fazer: posts com dicas e/ou tutoriais. ex. ‘O que vestir para as entrevistas de emprego importantes‘.
  • Notícias: associar seu conteúdo com fatos importantes e que estão sendo discutidos é um bom jeito de fazer as pessoas chegarem até ele. ex. ‘As melhores e piores bolsas do Oscar‘.

Custos

Essa estratégia não envolve quase nenhum custo financeiro – mas requer tempo, muito tempo, e quanto mais tempo você empregar, melhor o resultado. Para ter um conteúdo que seja referência, você precisa dedicar bastante esforço na estratégia e na produção.

2. Anúncios pagos/Google Adwords

Essa é uma das opções em que só o trabalho não vai ajudar muito (ainda que você possa manjar de SEO e tornar as coisas mais fáceis). É preciso investir um pouco de dinheiro, o que vai depender também do orçamento que você tem para a sua loja virtual.

Como funciona

Anúncios no estilo pay-per-click são propagandas direcionadas a determinado público na internet, normalmente mostradas em páginas de busca e redes sociais.

Seu site é anunciado: se alguém clicar, eles vão para lá e você paga uma determinada quantia pelo anúncio. A parte boa é que, assim que seus anúncios estão configurados corretamente, você pode fazer pequenas alterações e aumentar cada vez mais o rendimento deles.

Gerenciando suas campanhas

Bem, essa parte… é complicada e requer bastante tempo. O Google AdWords, principalmente, é conhecido por ser difícil de usar.

Mas eles se esforçam para ensinar. Por isso, se você estiver disposto, pode pesquisar tudo direitinho e virar um bruxão do adwords. Assim, vai gastar menos para promover melhor sua loja virtual (principalmente porque é muito fácil perder dinheiro se você não entende direito como funciona o processo do Ads).

Custos

Com o AdWords, você pode estabelecer custos máximos por dia e por semana. Assim, garante que o orçamento para a divulgação da sua loja virtual não vai estourar. Novamente, há agências que oferecem esse serviço e que você pode contratar.

Leia também:

Será que sua empresa precisa de um blog?

Compartilhe nas redes sociais
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Posts recentes

Categorias

Tags

Entre em contato

    Conecte-se

    Assine a nossa newsletter

    Assine a nossa newsletter e fique por dentro do mundo do marketing digital

      Nascida no Rio de Janeiro, somos uma empresa especializada em vendas pela internet e um dos nossos principais pilares é a humanização das relações com os clientes.

      Onde estamos:
      Av. das Américas, 500 – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ, 22640-904.